Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BCP dispara mais de 10% com rumores de contra OPA

As acções do BCP disparavam mais de 10% com rumores de que o BPI está a preparar uma contra OPA sobre o maior banco privado nacional. Segundo operadores contactados pelos Jornal de Negócios online, o mercado acredita que a operação estará a ser preparada

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As acções do BCP disparavam mais de 10% com rumores de que o BPI está a preparar uma contra OPA sobre o maior banco privado nacional. Segundo operadores contactados pelos Jornal de Negócios online, o mercado acredita que a operação estará a ser preparada em conjunto com os dois maiores accionistas de referência, La Caixa e Itaú.

As acções do Banco Comercial Português (BCP) seguiam a valorizar 7,09% para 2,72 euros depois de terem chegado a subir 10,24% para 2,80 euros, atingindo o valor mais alto desde Julho de 2002.

«O que corre no mercado é que o BPI estaria a preparar uma OPA ao BCP e que o Itaú e o La Caixa já teriam aprovado a realização de um aumento de capital para financiar a operação», explicou um operador que não quis ser identificado ao Jornal de Negócios online.

O La Caixa e o Itaú são os dois maiores accionistas de referência do Banco BPI detendo, em conjunto, mais de 32% do capital da instituição liderada por Fernando Ulrich.

«Existe a possibilidade forte de poder haver uma contra-OPA. A valorização do BCP não é normal, nomeadamente quando subiu mais de 4% depois de ter anunciado que poderia ter que fazer um aumento de capital para financiar a OPA sobre o Banco BPI. A subida das acções do BCP indicia que além de comprador o banco presidido por Paulo Teixeira Pinto pode também vir a ser alvo do BPI ou de um qualquer banco estrangeiro», disse Luís Duarte, operador do CaixaBI.

O Diário Económico avança na edição de hoje que a possibilidade de uma contra-OPA ao BCP é uma das alternativas em cima da mesa para a administração do BPI.

Ver comentários
Outras Notícias