Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BES desmente que CNMV paralisou plano de reestruturação em Espanha

O Banco Espírito Santo desmentiu hoje «categoricamente» que a CNMV, entidade que regula o mercado de capitais em Espanha, tenha paralisado o processo de reestruturação do banco nacional no país vizinho.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 17 de Fevereiro de 2003 às 13:33
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O Banco Espírito Santo desmentiu hoje «categoricamente» que a CNMV, entidade que regula o mercado de capitais em Espanha, tenha paralisado o processo de reestruturação do banco nacional no país vizinho.

«Desmentimos categoricamente» que o plano tenha sido paralisado, afirmou ao Negocios.pt fonte oficial do BES [BESNN] acrescentando que o mesmo «está a seguir os trâmites normais», estando a ser acompanhado pelas autoridades financeiras espanholas.

O «site» espanhol Invertia noticiava hoje que a CNMV decidiu paralisar o processo de restruturação do Banco Espírito Santo [BESNN] em Espanha, solicitando à instituição financeira nacional que reforce os fundos próprios depois dos prejuízos registados em 2002.

O órgão de comunicação espanhol adiantava que este plano de restruturação do BES quer juntar o negócio de particulares e institucionais, integrando os 17 estabelecimento do Benito y Monjardín na rede do BES em Espanha. O Benito y Monjardín terá registado prejuízos de 8,6 milhões de euros, o equivalente a 38% dos fundos próprios.

Fonte oficial do banco nacional escusou-se adiantar o conteúdo do referido plano, justificando que este está a ser acompanhado pelas autoridades e é sigiloso.

O BES seguia a descer 0,16% para os 12,23 euros.

Ver comentários
Outras Notícias