Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa da Alemanha afunda mais de 5% e lidera quedas na Europa

A praça germânica está em destaque, num sessão "negra" para os mercados do Velho Continente, em resultado da crise nuclear no Japão. Lidera as quedas na Europa, com uma queda de mais de 5%.

Paulo Moutinho 15 de Março de 2011 às 10:11
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
O índice bolsista da maior economia da Zona Euro está a ceder 5,24% para 6.497 pontos, fortemente pressionado pelas “utilities”. Empresas como a RWE e a E.On destacam-se nas quedas no sector.

O índice que agrega as maiores energéticas da região lidera as desvalorizações ao perder 3,45%. Também o sector petrolífero está em queda, enquanto as companhias de energias renováveis estão em destaque pela positiva.

A possibilidade de um desastre nuclear no Japão está a favorecer o investimento em empresas de energias alternativas, puxando por títulos como a EDP Energies Nouvelles, a ENEL ou a EDP Renováveis, em Portugal. A Martifer já esteve a subir quase 15%.

As restantes praças da Europa seguem a tendência da bolsa germânica. A bolsa de Paris recua 3,82% e o índice de Amesterdão apresenta uma desvalorização de 3,06%. A bolsa de Lisboa está a cair 1,85%, menos que o Stoxx 600, que agrega as maiores empresas do Velho Continente, que está a perder mais de 3%, para 263,93 pontos.

Ver comentários
Saber mais Alemanha bolsas Japão nuclear
Mais lidas
Outras Notícias