Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BPP: Tribunal dá 20 dias para Rendeiro e outros dois arguidos pagarem caução económica

O Tribunal da Relação de Lisboa aceitou o recurso dos clientes do BPP que solicitaram o depósito na CGD de quase sete milhões de euros para salvaguarda do pagamento das indemnizações pedidas a João Rendeiro, Paulo Guichard e Fezas Vital.

Pedro Elias/Negócios
Lusa 03 de Fevereiro de 2015 às 20:38
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Segundo o acórdão a que a agência Lusa teve acesso, datado de 28 de Janeiro, os juízes decidiram revogar a decisão tomada na primeira instância da 2.ª Vara Criminal de Lisboa, onde é julgado o caso Privado Financeiras, e que ia em sentido contrário, tendo sido alvo de recurso por parte dos cerca de 20 antigos clientes do BPP.

 

"Acorda-se em revogar a decisão recorrida e, dando parcial provimento ao recurso, em determinar que os arguidos/requeridos, prestem caução económica, por depósito, junto da Caixa Geral de Depósitos [CGD], à ordem deste processo, no valor de seis milhões novecentos e cinco mil oitocentos e quarenta e um euros e dezassete cêntimos, no prazo de 20 dias, para salvaguarda do pagamento das indemnizações civis em que venham a ser condenados", lê-se no documento assinado pelas juízas Maria Silva e Ana Barbosa.

 

Já o pedido de que a referida caução sirva também de garantia ao pagamento das custas judiciais foi declarado improcedente.

Ver comentários
Saber mais 2.ª Vara Criminal de Lisboa Privado Financeiras Caixa Geral de Depósitos tribunal BPP
Mais lidas
Outras Notícias