Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Buffett compra ativos do gás da Dominion Energy

A Berkshire Hathaway, da qual Warren Buffett é CEO, chegou a acordo para comprar o negócio de transmissão e armazenamento de gás natural da Dominion Energy, bem como 25% da Cove Point LNG.

Bloomberg
Carla Pedro cpedro@negocios.pt 05 de Julho de 2020 às 20:59
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A norte-americana Berkshire Hathaway, presidida por Warren Buffett, acordou a compra do negócio de transmissão e armazenamento de gás natural da Dominion Energy, avaliado em 9,7 mil milhões de dólares.

 

Os ativos incluem mais de 12,4 quilómetros de linhas de transmissão de gás natural, com cerca de 590 milhões de metros cúbicos por dia de capacidade de transporte, refere o comunicado da Berkshire, citado pela Bloomberg.

 

A Dominion recorrerá a três mil milhões de dólares do encaixe para recomprar ações próprias.

 

O conglomerado de Buffett vai também adquirir 25% da Cove Point LNG, uma empresa de gás natural do Maryland – na qual a Dominion continuará a deter 50%.

 

Investimentos diversificados

 

Entre as muitas empresas nas quais Buffett detém posições estão a Kraft Food Heinz, American Express, Wells Fargo, Coca-Cola, Apple, Amazon, General Motors, Procter & Gamble, Johnson & Johnson, Costco Wholesale, Verizon Communications, NetJets, Bank of New York Mellon, Goldman Sachs, Mastercard, JPMorgan e Visa.

 

Em outubro passado, a sua subsidiária Berkshire Hathaway HomeServices (BHHS) entrou no mercado imobiliário português. A entrada da BHHS foi feita em parceria com a corretora imobiliária Portugal Property e a prioridade é para o segmento de luxo com destaque para Lisboa, Porto e Algarve. A agência passou a designar-se Berkshire Hathaway HomeServices Portugal Property.

 

Warren Buffett construiu a Berkshire Hathaway ao longo de várias décadas, a partir de uma fabricante têxtil que tinha entrado em processo de falência, transformando-a numa poderosa empresa com uma enorme diversificação das áreas de negócio, desde os seguros à energia, passando pelos bens de consumo e pelo fabrico de doçaria.

 

Buffett só investe em empresas que possuam vantagem competitiva duradoura. Para descobrir quais são, analisa as demonstrações financeiras ao detalhe: a demonstração de resultados, o balanço e a demonstração dos fluxos de caixa, também conhecida como "mapa de cash flow".


É conhecido por dizer que os seus investimentos não se baseiam num sector ou indústria em particular, mas sim em cada empresa que valha a pena. "Simplesmente procuro empresas que operem em áreas que eu compreenda e que me pareçam bem posicionadas dentro de cinco ou dez anos. Não procuro sectores específicos".

Ver comentários
Saber mais Warren Buffett Hathaway HomeServices Portugal Property Berkshire Dominion Energy energia
Mais lidas
Outras Notícias