Aviação Câmara do Porto acusa TAP de encerrar voos com "taxas de ocupação de 90%"

Câmara do Porto acusa TAP de encerrar voos com "taxas de ocupação de 90%"

A autarquia publicou um texto em que refere dados de ocupação média, em 2015, dos voos suprimidos pela TAP que “demonstram que os aviões viajavam cheios ou quase cheios de e para o Porto”.
Câmara do Porto acusa TAP de encerrar voos com "taxas de ocupação de 90%"
Bruno Colaço / Correio da Manhã
Alexandra Noronha 03 de fevereiro de 2016 às 09:40

Continua a polémica entre a Câmara do Porto e a TAP por causa do encerramento de algumas ligações que a companhia aérea fazia para o aeroporto Sá Carneiro. A autarquia dá conta, no seu portal de notícias, que teve "acesso aos números referentes às taxas de ocupação média, em 2015, dos vosso suprimidos pela TAP a partir e com destino ao aeroporto Francisco Sá Carneiro".


Segundo a Câmara, "ao suprimir as quatro ligações, anunciadas, a companhia perde 190 mil passageiros". Sem referir onde e como encontrou estes dados, a Câmara salienta que "demonstram que os aviões viajavam cheios ou quase cheios de e para o Porto". 


Segundo estes dados, os voos com saída do Porto contam com taxas médias de ocupação entre 88% e 95% (Bruxelas com 90%, Milão, de manhã, com 88%, Milão, de tarde, com 95%, Roma com 89%, Barcelona, de manhã, com 91% e Barcelona, de tarde, com 88%). A autarquia acrescentou ainda que os voos com destino ao Porto tinham uma ocupação entre 77% e 92% (Bruxelas com 77%, Milão, de manhã, com 87%, Milão, de tarde, com  86%, Roma com 91%, Barcelona, de manhã, com 92%).


No ano passado, diz a Câmara liderada por Rui Moreira, as quatro ligações que serão suspensas em Março representaram "o transporte de perto de 190 mil passageiros, em 1.867 voos de ida e volta".

A Câmara adianta ainda que "só a ligação directa entre o Porto e Bruxelas transportou, em 2015, mais de 53 mil passageiros, em 350 voos; e as duas ligações a Milão (manhã e tarde), transportaram outros tantos, em 622 voos, embora em aeronaves mais pequenas. Na ligação a Roma, a TAP transportou mais de 40 mil passageiros, em 240 voos, e a ligação a Barcelona mais de 42 mil, em 655 voos".

 

A autarquia alega ainda que mesmo quando os aviões eram de maior dimensão, em vez dos aparelhos da Portugália, os voos foram cheios, "tendo registado uma ocupação de 100%".

O Negócios contactou a TAP, que até este momento não reagiu a estes dados publicados pela autarquia portuense. 

O anúncio do encerramento das ligações causou muita polémica na cidade, com várias associações a condenarem a companhia aérea pela decisão. 

O presidente da Câmara não deixou de referir as informações sobre a taxa de ocupação dos voos no seu Facebook. 

Agora, expliquem-me, de novo, porque vão ser suprimidos estes voos...




pub

Marketing Automation certified by E-GOI