Banca & Finanças CGD acredita que já assumiu todos os custos com cortes
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

CGD acredita que já assumiu todos os custos com cortes

Há 595 milhões de euros em efeitos não recorrentes a pesar nas contas da Caixa para limpar o grupo. O administrador financeiro do banco defende que os eventuais encargos que podem vir com o emagrecimento até 2020 já estão provisionados.
CGD acredita que já assumiu todos os custos com cortes
Bruno Simão
Diogo Cavaleiro 29 de outubro de 2017 às 22:45

A gestão da Caixa Geral de Depósitos, encabeçada por Paulo Macedo, afiança que as suas contas já reflectem os potenciais custos que poderá enfrentar com o plano estratégico que tem de empreender até)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
pub