Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CGD inicia actuação no Brasil em Janeiro com capital de 38 milhões

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) iniciará este mês as operações no Brasil, com um capital de 123 milhões de reais (37,98 milhões de euros, ao câmbio actual), informou hoje um responsável pela instituição portuguesa.

Negócios com Lusa 02 de Janeiro de 2009 às 15:13
  • Assine já 1€/1 mês
  • 8
  • ...
A Caixa Geral de Depósitos (CGD) iniciará este mês as operações no Brasil, com um capital de 123 milhões de reais (37,98 milhões de euros, ao câmbio actual), informou hoje um responsável pela instituição portuguesa.

Rodolfo Lavrador, membro do conselho de administração da CGD, citado pelo jornal Valor Económico, disse que o foco de actuação do Banco Caixa Geral Brasil - S.A será apoiar as empresas portuguesas.

"Portugal é um mercado maduro. O crescimento orgânico é difícil e não faz sentido comprar bancos privados quando já se tem o domínio do mercado", disse o responsável.

"A estratégia foi então crescer fora de Portugal e ajudar as empresas portuguesas que estão à procura de novos mercados", salientou.

Rodolfo Lavrador avançou que a CGD não planeia, como no passado, actuar como um banco comercial já que o mercado local é dominado por grandes instituições financeiras brasileiras.

"O mercado brasileiro está em fase de concentração e amadurecimento. Não era lícito retomar o projecto de 10 anos atrás e tentar novamente o retalho", realçou.

O projecto agora é criar um "banco de atacado, modelo que faz sentido no momento e é suficiente para acompanhar o fluxo comercial entre os dois países".

O Banco Caixa Geral Brasil iniciará suas actividades em São Paulo, com planos de alargar as operações para o Rio de Janeiro e para a região Nordeste do país, onde também há investimentos portugueses.

"O Brasil sempre foi um mercado incontornável. É natural crescer no país dadas as afinidades históricas e culturais e pelo facto de ser o destino de muitos investimentos portugueses", disse.

A autorização para a CGD iniciar as suas actividades no Brasil foi concedida pelas autoridades em Fevereiro do ano passado.

Em Setembro de 2005, a CGD vendeu a participação de 12% que detinha no capital do Unibanco, um dos maiores bancos brasileiros, através de uma oferta pública no mercado accionista.

Ver comentários
Outras Notícias