Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

China investe 1,7 mil milhões de euros em novo gigante da aviação

O novo gigante da aviação já tem nome: Companhia de Aviões Comerciais da China. Vai ter capacidade para construir aviões e competir com a Airbus e a norte-americana Boeing. Para já, o investimento inicial está avaliado em 1,73 mil milhões de euros.

Ana Luísa Marques anamarques@negocios.pt 01 de Abril de 2008 às 15:59
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O novo gigante da aviação já tem nome: Companhia de Aviões Comerciais da China. Vai ter capacidade para construir aviões e competir com a Airbus e a norte-americana Boeing. Para já, o investimento inicial está avaliado em 1,73 mil milhões de euros.

A China anunciou a criação de uma construtora aérea capaz de competir com a Airbus e a Boeing. O Governo chinês e o município de Xangai são os principias accionistas e vão investir, respectivamente, 6 e 5 mil milhões de yuans (no conjunto, mil milhões de euros).

A juntar a estes 11 mil milhões de yuans, a Corporação Industrial de Aviação da China I (AVIC I), a maior construtora aérea do país, vai investir outros quatro mil milhões de yuans efectivos e em activos de produção (363 milhões de euros).

Fazem ainda parte do grupo de accionistas, a AVIC II, a Baosteel, maior siderurgia do país e a petrolífera Sinochem. As três empresas vão investir mil milhões de yuans cada (90 milhões de euros).

A equipa de administração da nova empresa já está escolhida e deverá ser presidida pelo ministro para a Comissão Estatal da Ciência, Tecnologia e Indústria para a Defesa Nacional, Zhang Qingwei. O consórcio será estabelecido formalmente antes de Maio deste ano.

Ver comentários
Outras Notícias