Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Cimenteira de Champalimaud pode obter mais de 350 milhões de euros com IPO no Brasil

Empresa que António Champalimaud levou de Portugal para o Brasil está a preparar a dispersão de capital na bolsa brasileira, cujo preço final será divulgado dia 31.

Miguel Prado miguelprado@negocios.pt 15 de Março de 2011 às 10:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A Cimentos Liz poderá obter um encaixe de 837 milhões de reais, o equivalente a mais de 350 milhões de euros, com a entrada na bolsa brasileira, se conseguir colocar o número máximo de acções da oferta que irá realizar ao preço mais alto do intervalo projectado.

A empresa que António Champalimaud levou da região de Leiria para o Brasil, hoje presidida pelo seu filho Luís Champalimaud (na foto), publicou ontem o prospecto preliminar para a dispersão de capital em bolsa (IPO), fixando um intervalo de 10 a 13 reais por acção (4,29 a 5,59 euros).

A empresa definiu um máximo de 64,3 milhões de papéis para a operação, sendo mais de 47,7 milhões de acções numa fase inicial e ainda dois lotes suplementares de 7,15 e de 9,54 milhões de títulos.

O período para a reserva de acções começa dia 21 deste mês e termina dia 30, sendo que a 31 de Março será divulgado o preço final de colocação das acções no mercado.

Ver comentários
Saber mais champalimaud cimentos Liz Brasil IPO
Mais lidas
Outras Notícias