Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Citigroup paga 285 milhões de dólares para encerrar queixa da SEC

O banco norte-americano aceitou pagar 285 milhões de dólares num processo em que a Securities and Exchange Commission o acusava de ter induzido investidores em erro, num negócio de mil milhões de dólares.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 19 de Outubro de 2011 às 17:31
O Citigroup vai pagar 285 milhões de dólares (207,5 milhões de euros) numa operação com obrigações com garantias, no valor de mil milhões de dólares e associadas ao mercado imobiliário norte-americano, segundo a Bloomberg que cita a SEC.

A instituição, hoje, liderada por Vikram Pandit (na foto) acedeu devolver 160 milhões de dólares aos investidores, mais 30 milhões em compensação por juros e 95 milhões de dólares de penalização. O montante que totaliza 285 milhões de dolares será entregue aos investidores.

O banco terá servido de contraparte num negócio de obrigações em que terá escolhido não cobrir o risco da posição em que servia como contraparte. Isto significa que, na prática, o banco assumiu uma posição simétrica àquela que foi adoptada pelos clientes na operação, apostando contra eles. A SEC acusa o banco de ter induzido os seus clientes em erro.
Ver comentários
Saber mais Citi Citigroup bolsa S&P bolsa banca EUA hipoteca dívida obrigações obrigação
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio