Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CMVM vê problemas jurídicos no novo supervisor

A independência dos supervisores não permite que um novo órgão de supervisão, a ser constituído, dê ordens vinculativas às autoridades existentes, diz a CMVM sobre o relatório do seu ex-presidente, Carlos Tavares. O regulador quer ter palavra nas resoluções bancárias.

Miguel Baltazar
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 06 de Dezembro de 2017 às 22:11
  • Partilhar artigo
  • ...
O regulador do mercado de capitais acredita que há problemas jurídicos na proposta de reforma da supervisão financeira feita pelo grupo de trabalho liderado por Carlos Tavares. A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), que saúda a existência do debate, acredita que o figurino de um novo supervisor que fique com poderes das actuais autoridades levanta dúvidas jurídicas. 

"A CMVM não concorda que o ...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais CMVM supervisão Carlos Tavares ASF Banco de Portugal
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias