Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Commerzbank pede ao Dresdner Kleinwort que desista "voluntariamente" dos bónus

O Commerzbank está a contar com a "boa vontade" dos executivos do Dresdner Kleinwort e espera que estes desistam "voluntariamente" dos bónus a que têm direito.

Ana Luísa Marques anamarques@negocios.pt 18 de Fevereiro de 2009 às 16:31
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...
O Commerzbank está a contar com a "boa vontade" dos executivos do Dresdner Kleinwort e espera que estes desistam "voluntariamente" dos bónus a que têm direito.

"Apelo a todos os que geraram prejuízos que assumam as sua responsabilidades. Estamos a contar com a vossa boa vontade", afirmou o director financeiro do Commerzbank, Eric Strutz (na foto).

O pedido de Eric Strutz surge no mesmo dia em que o Commerzbank anunciou que não vai pagar bónus aos membros do conselho de administração e restantes colaboradores, devido aos prejuízos registados no último trimestre de 2008: 809 milhões de euros.

Em Novembro, a seguradora Allianz, que vendeu o Dresdner Bank ao Commerzbank, revelou que tinha 400 milhões de euros para pagar bónus aos colaboradores do Dresdner. O Commerzbank comprometeu-se a pagar 30% desse valor.

Os antigos CEO do Dresdner e do Dresdner Kleinwort já desistiram dos seus bónus. "Acredito que outros vão seguir o bom exemplo" de alguns executivos da banca de investimento que abdicaram dos seus bónus, disse Strutz.

O Commerzbank recebeu 18,2 mil milhões de euros do Governo alemão.

Ver comentários
Outras Notícias