Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Conselho de administração vota unanimemente rejeição da OPA (act.)

O Conselho de administração do BPI votou por unanimidade a rejeição da oferta pública de aquisição (OPA) lançada pelo Banco Comercial Português (BCP).

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 26 de Abril de 2007 às 18:26
  • Partilhar artigo
  • ...

O Conselho de administração do BPI votou por unanimidade a rejeição da oferta pública de aquisição (OPA) lançada pelo Banco Comercial Português (BCP).

O conselho de administração do BPI, onde têm presença os maiores accionistas do banco, considera a proposta de aquisição do Banco Comercial Português (BCP) "totalmente inaceitável". O BPI rejeita assim novamente a oferta do banco liderado por Paulo Teixeira Pinto, considerando que esta "subavalia" a instituição e "que não serve os interesses dos seus accionistas, clientes e colaboradores", de acordo com um comunicado emitido para a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O banco liderado por Fernando Ulrich decidiu assim "recomendar aos accionistas do BPI que também rejeitem a oferta, não vendendo as suas acções".

Esta é assim a reacção do banco depois de na terça-feira o BCP ter revisto em alta a contrapartida da OPA de 5,70 euros para 7,00 euros por acção.

O BPI assegura que, caso os accionistas rejeitem a oferta, realiza o plano de negócios para o período entre 2007 e 2011, que inclui um aumento de 17% dos lucros e de 20% nos dividendos.

As acções do BPI [bpin] encerraram a cair 2,31% para os 6,35 euros enquanto o BCP [bcp] subiu 0,33% para os 3,03 euros, depois de ter atingido o valor mais elevado desde Julho de 2001 ao tocar nos 3,11 euros.

Ver comentários
Outras Notícias