Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Construção perdeu 70 mil empregos nos últimos três anos

A indústria nacional da construção perdeu já 70 mil postos de trabalho nos últimos três anos, no período compreendido entre o segundo semestre de 2002 e o final do primeiro deste ano, revelou hoje Joaquim Carlos Fortunato, presidente da AECOPS, em conferê

Nuno Miguel Silva nmsilva@mediafin.pt 21 de Setembro de 2005 às 14:27
  • Partilhar artigo
  • ...

A indústria nacional da construção perdeu já 70 mil postos de trabalho nos últimos três anos, no período compreendido entre o segundo semestre de 2002 e o final do primeiro deste ano, revelou hoje Joaquim Carlos Fortunato, presidente da AECOPS, em conferência de imprensa.

Só no primeiro semestre deste ano a perda de empregos no sector nacional da construção já vai na cifra de 11 mil, adiantou o mesmo responsável. Esta situação é explicada pelos três anos consecutivos de quebra de produção da indústria em Portugal, situação que se irá prolongar certamente no presente ano e deverá estender-se até 2007, segundo as projecções do ITIC.

O sector da construção é um dos mais importantes para a criação do emprego nas economias de cada país. Apesar da recessão continuada, a construção ainda representava, no final de 2004, 10,8% do emprego total. Em Espanha, a percentagem, no final do ano passado, era de 11,7%.

Outras Notícias