Construção Construção volta a dar sinais de retoma

Construção volta a dar sinais de retoma

O número de edifícios licenciados cresceu a dois dígitos no segundo trimestre, mais um sinal de retoma no sector da construção.
Construção volta a dar sinais de retoma
Reuters
Negócios 13 de setembro de 2016 às 11:17

Foram licenciados 4,2 mil edifícios em Portugal no segundo trimestre, o que traduz um crescimento de 12% face ao mesmo trimestre do ano passado.


Este dado, revelado esta terça-feira pelo Instituto Nacional de Estatística, junta-se a outros sinais de retoma no sector da construção, depois de vários anos de forte queda.


Do total de edifícios licenciados, 65,2% corresponderam a construções novas e, destas, 69,8% destinaram-se a habitação familiar. O INE destaca que todas as regiões registaram variações homólogas positivas nos edifícios licenciados, com destaque para a Região Autónoma da Madeira (+60%) e para a Área Metropolitana de Lisboa (+46,4%).


As obras licenciadas para construções novas em Portugal cresceram 12,2% face ao segundo trimestre de 2015, enquanto as obras de reabilitação cresceram 10,6%. Relativamente ao trimestre anterior, o licenciamento para construções novas aumentou 9,7% e as obras de reabilitação cresceram 6,8%.


Quanto aos edifícios concluídos, a tendência é ainda negativa, com uma queda de 10,7%. "Estima-se que tenham sido concluídos 2,5 mil edifícios em Portugal, correspondendo na sua maioria a construções novas (68,0%), das quais 62,7% tiveram como destino a habitação familiar", refere o INE.


As obras concluídas para construções novas em Portugal diminuíram 8,3% face ao 2º trimestre de 2015, e as obras de reabilitação decresceram 15,2%. Em comparação com o trimestre anterior, as obras concluídas para construções novas decresceram 0,9% e as obras de reabilitação diminuíram 2,4%.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI