Turismo & Lazer Convento de Santo António dos Capuchos vai receber investimento de 4,5 milhões

Convento de Santo António dos Capuchos vai receber investimento de 4,5 milhões

O Convento de Santo António dos Capuchos vai ser explorado por um agrupamento de três empresários. O contrato de concessão foi assinado esta quarta-feira.
Convento de Santo António dos Capuchos vai receber investimento de 4,5 milhões
Alexandra Machado 06 de fevereiro de 2019 às 10:46

O Convento de Santo António dos Capuchos, em Leiria, vai ser explorado, para fins turísticos, a um agrupamento composto por três empresários individuais: António Luís Sampaio de Almeida, Carlos Martins Oliveira e Paulo José Pereira de Sousa.

O contrato de concessão, por 50 anos, foi assinado esta quarta-feira, 6 de fevereiro, em Leiria. O investimento para a recuperação do edifício ascenderá a 4,5 milhões de euros. O Estado vai receber uma renda anual pela concessão de 40,1 mil euros, avança a Secretaria de Estado do Turismo.

 

Os empresários vencedores, cuja proposta foi única, como avançou o Jornal de Leiria, comprometem-se a construir um hotel de 4 estrelas com 50 quartos, piscina e restaurante.

Segundo uma nota da Secretaria de Estado do Turismo, este é o sexto concurso Revive a ser adjudicado.

"A recuperação do Convento de Santo António dos Capuchos no âmbito do Revive é uma ótima notícia para a cidade de Leiria. É um imóvel marcante que voltará a ser fator de geração de riqueza e de criação de postos de trabalho para a economia leiriense", afirma a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, citada na nota do seu gabinete.

 

O Convento de Santo António dos Capuchos tem origem em 1657, tendo sido alvo de obras de ampliação em 1770. No século XIX recebeu novas obras de ampliação. Em 1834, com a extinção das ordens religiosas, o convento ficou na posse do Estado, que o transformou em hospital militar em 1864. Atualmente o edificado está devoluto.

Já foram lançados 16 concursos no âmbito do Revive, tendo já seis sido adjudicados. Neste momento decorrem os concursos para a Casa de Marrocos (Idanha-a-Nova), Mosteiro de Arouca, Convento de São Francisco (Portalegre), Quartel do Carmo (Horta, Açores), Convento do Carmo (Moura), Convento de Lorvão (Penacova), Quinta do Paço de Valverde (Évora), Castelo de Vila Nova de Cerveira e Quartel da Graça (Lisboa), este último lançado na passada segunda-feira. 

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI