Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Corticeira Amorim teve os maiores lucros e vendas de sempre

O exercício de 2011 foi o melhor de sempre da Corticeira Amorim, ao fechar o ano com lucros de 25,3 milhões de euros e vendas de 494,8 milhões de euros, o que se traduziu num aumento do resultado em 23,1% e da facturação em 8,3% face ao ano anterior.

Rui Neves ruineves@negocios.pt 27 de Fevereiro de 2012 às 16:52
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...
O crescimento das vendas “acima da média” do negócio das rolhas “foi o principal responsável pelo aumento das vendas consolidadas” da Corticeira Amorim, tudo apontando assim para que “em 2011 a rolha de cortiça tenha ganho (como em 2010) quota em relação aos vedantes plásticos e de alumínio e que o peso da Corticeira Amorim tenha também sido reforçado”, refere a empresa, em comunicado enviado para a CMVM.

Em termos financeiros, regista-se que o EBITDA corrente aumentou 9,7%, para os 72,4 milhões de euros, tendo este rácio sobre as vendas melhorado relativamente a 2010, atingindo os 14,6%, “tendo atingido um dos melhores rácios da história da Corticeira Amorim”, enfatiza o grupo presidido por António Amorim.

Por unidade de negócio, a de rolhas contribuiu com 37,4 milhões de euros e a de matérias-primas com 19,6 milhões de euros para o EBITDA consolidado. Em termos comparativos há a salientar o desempenho da UN Revestimentos, cujo EBITDA evoluiu de 6,3M€ em 2010 para 10,3M€ em 2011.

A margem bruta percentual atingiu os 51,2%, uma ligeira descida face ao valor histórico de 51.6% registados no ano transacto, tendo aumentado para cerca de 18 milhões de euros, um acréscimo de 7,7%, ligeiramente abaixo da subida de vendas.

Já os gastos operacionais correntes aumentaram 6,2%, adversamente afectados pelo crescimento dos fornecimentos e serviços externos (mais 10,5%). “Os aumentos verificados nos preços dos combustíveis, da electricidade e dos transportes afectaram adversamente a competitividade da Corticeira Amorim, bem como, certamente, de toda a indústria portuguesa. As medidas de racionalização destinadas a contrariar os efeitos destes aumentos foram entretanto iniciadas”, adianta a empresa.
Ver comentários
Saber mais Corticeira Amorim resultados
Outras Notícias