Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Depois das 20h as bombas de gasolina de Lisboa só podem vender combustível

O Governo já tinha anunciado que não poderiam vender bebidas alcoólicas. Despacho agora publicado permite a abertura 24 horas por dia mas só para vender combustível e garantir o abastecimento.

Reuters
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

As bombas de gasolina da Área Metropolitana de Lisboa vão poder continuar abertas 24 horas mas exclusivamente para venda de combustíveis e abastecimento de veículos, de acordo com uma resolução publicada esta quarta-feira em Diário da República.

Em resposta ao aumento de casos de covid-19 na região de Lisboa, o Governo já tinha anunciado que o comércio só poderia abrir até às 20h, com exceção dos restaurantes, e que os postos de combustível não poderiam vender bebidas alcoólicas.

No entanto, tendo em conta a necessidade de abastecimento de veículos, o Governo determina num despacho publicado esta quarta-feira que os postos de abastecimento de combustível estão excecionados da restrição de horário, mas "exclusivamente para efeitos de venda ao público de combustíveis e abastecimento de veículos".

Conclui-se a partir do despacho que além de não poderem vender bebidas alcoólicas a partir das 20h também não poderão vender outros bens ou prestar outros serviços.

O mesmo despacho indica que na área metropolitana de Lisboa "todos os estabelecimentos de comércio a retalho e de prestação de serviços, bem como os que se encontrem em conjuntos comerciais, que estejam autorizados a funcionar 24 horas por dia podem reabrir às 6 horas".

É o caso das estações de serviço, como refere a agência Lusa.

O Negócios colocou esta manhã algumas questões ao Ministério da Economia e aguarda resposta.

Ver comentários
Saber mais Bombas de gasolina postos de abastecimento de combustível restrições ao comércio
Mais lidas
Outras Notícias