Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Dívidas de Angola estagnam negócio bancário angolano

As dívidas do Estado angolano acabaram por provocar uma estagnação do negócio bancário em Angola. Uma situação que deverá ser regularizada no curto-prazo.

Maria João Gago mjgago@negocios.pt 22 de Julho de 2010 às 12:53
"O crédito e os depósitos do Banco de Fomento Angola estiveram praticamente estagnados, em resultado" das dívidas do Estado angolano aos seus fornecedores, designadamente empresas portugueses, explicou hoje António Domingues, vice-presidente do BPI, na apresentação de contas.

Esta dívida "teve consequências na actividade de Angola", mas "é uma situação que será regularizada a curto prazo". De qualquer das maneiras, "teve efeito na actividade bancária durante o primeiro semestre".

O vice-presidente do BPI diz que, apesar de não haver estatísticas do Banco de Angola, "tudo aponta para que essas duas rubricas - crédito e depósitos - tenham estado estagnadas" no conjunto do sistema bancário angolano.
Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio