Indústria Dois anos depois, empresas têxteis continuam distantes da bolsa
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Dois anos depois, empresas têxteis continuam distantes da bolsa

Após acordar há dois anos com a Euronext vários apoios para incentivar o acesso ao mercado de capitais, os industriais do sector reconhecem que não houve qualquer avanço, culpando a crise e... a recuperação económica.
Dois anos depois, empresas têxteis continuam distantes da bolsa
Ricardo Castelo/Negócios
António Larguesa 28 de julho de 2015 às 00:01

Quase dois anos depois da assinatura de um protocolo entre a gestora da bolsa portuguesa, a NYSE Euronext Lisbon, e a Associação Têxtil e Vestuário de Portugal (ATP) para incentivar e facilitar o acesso de novas empresas

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI