Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

É para a China que Portugal exporta os sapatos mais caros

Portugal duplicou as vendas de calçado para a China, onde vende a um preço médio de 42 euros o par, o mais alto de todos os 152 mercados de destino dos sapatos nacionais.

Bloomberg
Rui Neves ruineves@negocios.pt 18 de Abril de 2016 às 18:02
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...

Ainda há uns cinco anos, Portugal só vendia 311 mil euros de calçado na China. Entretanto identificado como "um mercado estratégico numa lógica de diversificação de mercados", as exportações para este país duplicaram em 2015 para um total de 12 milhões de euros.

"Acresce que o preço médio do calçado português comercializado no gigante asiático é o mais alto de todos os 152 mercados de destino das exportações nacionais e ascende a 42 euros", destaca a última edição do jornal da associação do sector (APICCAPS).

Portugal exporta sapatos para a China 14 euros acima do preço médio, de 28 euros, a que vende para o exterior à saída da fábrica – um valor só ultrapassado pela Itália (44 euros).

Apesar da duplicação das exportações de calçado para a China, o valor ainda é bastante modesto tendo em conta que, como a APICCAPS sublinha, "a China tem hoje sensivelmente 200 multimilionários, um pouco menos de um milhão de milionários e 65 milhões de pessoas com poder de compra elevado, que investem de forma regular em artigos de luxo".

Depois de ter destronado o Japão como maior mercado mundial de produtos de luxo, a China responderá, já no próximo ano, segundo a Academia Chinesa de Ciências Sociais, por aproximadamente 30% de todos os produtos de luxo comercializados à escala global.

As exportações portuguesas de calçado aumentaram mais de 50% nos últimos seis anos, tendo atingido em 2015 um novo máximo histórico – 1,865 mil milhões de euros, mais 1% do que no ano anterior.

Ver comentários
Saber mais calçado APICCAPS exportações sapatos produtos de luxo China sapatos luxo bens Portugal
Outras Notícias