Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP assume controle da Escelsa e da Enersul

A Electricidade de Portugal (EDP) assumiu no dia 28 de Setembro a maioria dos direitos e voto das distribuidoras eléctricas brasileiras Escelsa e Enersul.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 05 de Outubro de 2001 às 19:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A Electricidade de Portugal (EDP) assumiu no dia 28 de Setembro a maioria dos direitos e voto das distribuidoras eléctricas brasileiras Escelsa e Enersul, refere um comunicado enviado hoje pelas empresas à Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa).

Nessa fonte a Calibre refere que os seus direitos de voto foram transferidos do Banco Oportunity para a Electricidade de Portugal Internacional, «o qual confere a esta última o direito de voto da maioria das acções (da Calibre), (...) inclusivé o controle sobre as empresas Escelsa e Enersul e Iven».

A Calibre detinha o controle da maioria dos direitos de voto das duas eléctricas brasileiras, que agora é transferido para a EDP, bem como a gestão total das empresas.

Com este negócio a EDP garante o controlo da Escelsa e da Enersul pelos próximos 24 anos, através de um pagamento de 800 mil dólares (872 mil euros ou 175 mil contos) por ano até 2025.

A EDP fechou a subir 4,33% para os 2,89 euros (579 escudos).

Ver comentários
Outras Notícias