Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP quer chegar ao México através da Horizon

A EDP vai utilizar a Horizon nos Estados Unidos como plataforma de crescimento para outros mercados como por exemplo o México. Outra ambição da EDP depois de consolidar a aquisição desta empresa é avançar para outros negócios como solar, biomassa, hídrica

Tânia Ferreira tf@negocios.pt 10 de Julho de 2007 às 18:08
  • Partilhar artigo
  • ...

A EDP vai utilizar a Horizon nos Estados Unidos como plataforma de crescimento para outros mercados como por exemplo o México e o Canadá. Outra ambição da EDP depois de consolidar a aquisição desta empresa é avançar para outros negócios como solar, biomassa, hídrica e, mais tarde, gás.

O México fará para já mais sentido sendo mais difícil avançar no Canadá devido a algumas limitações.

Com presença em 17 Estados e com uma capacidade eólica instalada de 1,6 Gw brutos, a consolidação da Horizon vai ser a grande prioridade da administração da EDP nos próximos seis meses.

Lembrando que a EDP tem hoje um rácio financeiro melhor do que no final de 2005, que a empresa mantém a capacidade de crescer, o presidente executivo da eléctrica disse esta manhão aos jornalistas, em Nova Iorque, que "até ao final de 2007 temos de garantir a concretização do ‘pipeline’ da Horizon e consolidar esta aquisição para depois podermos pensar como vamos utlizar o free-float disponível".

Mas a EDP não vai, segundo António Mexia, "ficar parada. Entretanto, está já a estudar novas oportunidades no mercado norte-americano e envolventes, além das eólicas nomeadamente no solar".

A estratégia de crescimento da EDP passa sobretudo por um crescimento por aquisições de empresas com potencial de desenvolvimento. "Temos a política de priveligiar a compra de pequenas companhias com alguma potência instalada mas sobretudo ‘pipeline’ para evoluir a par de recursos humanos muito bem preparados e conhecedores do negócio das tecnologias".

Na Europa, mantendo o enfoque na Península Ibérica assim como França e Bélgica, onde a EDP já está presente, António Mexia revelou que estão a ser feitos estudos em novas geografias.

"O nosso objectivo é crescermos para mercados como o italiano, polaco e inglês", disse.

As acções da EDP [edp] encerraram a subir 0,48% para 4,15 euros.

A jornalista viajou a Nova Iorque a convite da EDP.

Ver comentários
Outras Notícias