Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP substitui 1,3 mil milhões de linhas de crédito (act)

A Electricidade de Portugal (EDP) mandatou um sindicato bancário para liderar e organizar a sindicação de uma linha de crédito no valor de 1,3 mil milhões de euros para substituição de duas linhas, que actualmente não estão a ser utilizadas.

Ricardo Domingos rdomingos1@gmail.com 05 de Julho de 2004 às 18:49
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

(actualiza com declarações da directora financeira da EDP)

A Electricidade de Portugal (EDP) mandatou um sindicato bancário para liderar e organizar a sindicação de uma linha de crédito no valor de 1,3 mil milhões de euros para substituição de duas linhas, que actualmente não estão a ser utilizadas. A eléctrica realça que a operação, sendo uma linha «stand by», não constitui um financiamento adicional nem onera o balanço da empresa.

A empresa liderada por João Talone mandatou a organização desta linha de crédito aos bancos: Bank of Tokyo Mitsubishi, o Barclays Capital, o BNP Paribas, o Caja Madrid, o Citigroup, o ING e o Sumitomo Mitsui.

Dada as actuais condições de mercado, esta linha de crédito permite substituir uma linha de 600 milhões de euros que vence a 22 de Agosto próximo e outra de 700 milhões de euros datada de 27 de Março de 2003, em termos mais atractivos para o grupo.

«Esta linha de crédito a cinco anos é um ‘stand by’ que pode ser usado para cobrir necessidades de tesouraria pontuais e como linha de ‘back up’ para o programa de papel comercial do grupo, assegurando à EDP um nível de liquidez confortável», explicou ao Jornal de Negócios Online a directora financeira da empresa.

A dívida da empresa atingia os 7,36 mil milhões de euros no final do primeiro trimestre deste ano.

As acções da EDP [EDP] fecharam nos 2,27 euros, a cair 1,73%.

 

Ver comentários
Outras Notícias