Energia EDPR celebra mais um contrato para venda de energia nos EUA

EDPR celebra mais um contrato para venda de energia nos EUA

A empresa do grupo EDP diz já ter atingido 82% do objectivo definido até 2020 para a venda de energia nos EUA.  
EDPR celebra mais um contrato para venda de energia nos EUA
Negócios 26 de fevereiro de 2018 às 17:11

A EDP Renováveis anunciou esta segunda-feira, 26 de Fevereiro, que celebrou mais um contrato para venda de energia produzida num dos seus parques nos Estados Unidos, tendo já atingido 82% do objectivo que tinha definido para o período entre 2016 e 2020.


Em comunicado à CMVM, a empresa liderada por Manso Neto refere que "estabeleceu um contrato ("CAE") de 20 anos, com a Great Plains Energy, para a venda de energia produzida por 200 MW pelo projecto eólico Prairie Queen que está localizado no Allen County, Kansas".

O comunicado acrescenta que este contrato permite "expandir a sua actividade no estado do Kansas, para um total de 600 MW, tendo já assegurado 1,5 GW de CAEs nos EUA, para projectos a serem instalados em 2016-2020".

Desta forma, a EDP Renováveis diz já ter atingido "82% do objectivo de 1,8 GW nos EUA" para o período entre 2016-2020, conforme tinha anunciado ao mercado em Maio de 2016, no Dia do Investidor do Grupo EDP.

"O sucesso da EDPR em assegurar novos CAEs reforça o seu perfil de baixo risco e a sua estratégia de crescimento baseada no desenvolvimento de projectos competitivos com visibilidade de longo-prazo", acrescenta a empresa.

A EDPR anuncia os resultados de 2017 amanhã, antes da abertura da sessão. O CaixaBI estima que a EDP Renováveis terá tido lucros de 225 milhões de euros em 2017, um aumento de 302% face a 2016, à boleia do crescimento da electricidade produzida.




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentários mais recentes
Anónimo 26.02.2018

Dia 1 haverão notícias sobre o dividendo aquando da apresentação de resultados por parte da EDP.. Não especulem!

EDP encaixa mais de 160 milhões 26.02.2018

SUBSIDIARIA DA EDP RENOVAVEIS COM 77.5 %, VAI ENCAIXAR UMA FATIA MUITO RAZOÁVEL DOS LUCROS, AS PREVISÕES APONTAM PARA UM LUCRO DA EDP DE MAIS DE 1.000 MILHÕES. NÃO HÁ FUMO SEM FOGO, FALA-SE DE UM AUMENTO SIGNIFICATIVO NO DIVIDENDO

Saber mais e Alertas
pub