Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Eduardo dos Santos defende mais parcerias cruzadas entre Portugal e Angola

José Eduardo dos Santos considera que os investimentos angolanos em Portugal, especialmente da Sonangol, são ainda "passos tímidos" e que é preciso ir mais longe. O Presidente da República angolano defende que é preciso "ampliar este esforço de parcerias cruzadas" entre os dois países.

Celso Filipe cfilipe@negocios.pt 10 de Março de 2009 às 14:13
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
José Eduardo dos Santos considera que os investimentos angolanos em Portugal, especialmente da Sonangol, são ainda “passos tímidos” e que é preciso ir mais longe. O Presidente da República angolano defende que é preciso “ampliar este esforço de parcerias cruzadas” entre os dois países.

Eduardo dos Santos fez estas afirmações no final de um encontro como o seu homólogo, Cavaco Silva. Eduardo dos Santos, que se encontra de vista a Portugal, sublinhou que Angola está aberta “a empresários que confiem no Governo de Angola e no seu futuro” e apelou a que os empresários portugueses desenvolvam mais investimentos no seu país, por forma a minimizar os efeitos da crise mundial que também já se começam a fazer sentir em Angola.

O Presidente da República português, por seu turno, observou que o desafio que se coloca hoje a Angola “é o do desenvolvimento económico e social”, acrescentando que existe uma complementaridade entre os dois países. Existe a necessidade de investimentos “com benefícios para todos” sublinhou Cavaco Silva, adiantando que o relacionamento entre Angola e Portugal já é “maduro e adulto”.

Ver comentários
Outras Notícias