Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EP tem expropriações de 28 milhões por concluir

Empresa não cumpriu metas do Orçamento do Estado par as alienações, atingindo apenas 15 milhões.

Alexandra Noronha anoronha@negocios.pt 22 de Setembro de 2010 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
A Estradas de Portugal tem cerca de 28 milhões de euros em expropriações iniciadas, mas que não estão terminadas. Este valor foi revelado ontem na Comissão de Obras Públicas, Transportes e Comunicações pelo presidente da empresa que disse ainda que estava em processo de contencioso um total de 628 milhões de euros em expropriações, sendo que destes 204 milhões já foram depositados pela empresa porque foram decididos em tribunal arbitral. Almerindo Marques diz que isto faz parte da "gestão corrente" da EP.

A empresa conta este ano com menos 60 milhões de euros de orçamento, totalizando assim 300 milhões para 2010. Segundo o responsável, a EP continua a endividar-se (atinge os 2,2 mil milhões no fim deste ano), porque está a ser gerida de modo mais "empresarial". Almerindo realçou que a empresa tem capitais próprios de 8,8 mil milhões de euros e uma património vasto que além de toda a rede rodoviária inclui as concessões que no futuro passarão para a EP como a concessão da Brisa ou da Ascendi.









logo_empresas

Ver comentários
Outras Notícias