Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Espírito Santo vendem parte do negócio do Banque Privée

O Banque Privée Espírito Santo, que tem vários clientes com aplicações no GES em incumprimento, vendeu parte do negócio ao banco suíço CBH – Compagnie Bancaire Helvétique. A operação abrange uma fatia “dos clientes nas regiões da Península Ibérica e da América Latina”.

Miguel Baltazar/Negócios
Maria João Gago mjgago@negocios.pt 22 de Julho de 2014 às 19:07
  • Assine já 1€/1 mês
  • 13
  • ...

O Banque Privée Espírito Santo (BPES), controlado a 100% pelo Espírito Santo Financial Group, "holding" financeira do Grupo Espírito Santo, vendeu parte do seu negócio ao banco suíço CBH – Compagnie Bancaire Helvétique, informou a instituição financeira em comunicado.

 

Em causa está "uma parte dos clientes [do BPES] nas regiões da Península Ibérica e da América Latina", adiantou a instituição gestora de fortunas. No entanto, o banco não esclarece se entre estes clientes estão alguns dos investidores em papel comercial da Espírito Santo International e da Rioforte cujos reembolsos estão suspensos.

 

"As semelhanças culturais e em termos de funcionamento de ambos os bancos, deverão assegurar uma continuidade em matéria de serviço de alta qualidade e proximidade a que os clientes do BPES estão acostumados. A CBH e o BPES comprometem-se a trabalhar em estreita colaboração para alcançar as condições ideais para promover a transferência de clientes, estando esta sujeita a algumas condições", refere o comunicado do banco do ESFG.

 

José Manuel Espírito Santo (ao meio, na foto), antigo administrador do BES e presidente do BPES, acredita que a venda ao CBH é "uma excelente solução, que permite defender, da melhor forma, os interesses dos nossos clientes e dos nossos colaboradores", adiantou, citado em comunicado.

 

Já o presidente executivo do CBH, Philippe Cordonier, citado na mesma nota, afirma que esta aquisição "é um passo importante no desenvolvimento e na expansão do banco para os mercados da América Latina e da Península Ibérica" e sublinhou a sua satisfação por "integrar a nova equipa, com quem partilhamos uma visão estratégica semelhante, focada no relacionamento de proximidade com os clientes".

Ver comentários
Saber mais Banque Privée Espírito Santo Espírito Santo Financial Group Grupo Espírito Santo banca
Outras Notícias