Empresas Estado usa "golden share" e veta negócio

Estado usa "golden share" e veta negócio

O Estado usou a "golden share" que detém na PT, vetando a proposta da Telefónica para a compra da Vivo, contra a vontade dos accionistas, que tinham votado em 74% favoravelmente à venda. A medida é inesperada, inédita e pode ser considerada ilegal. Começa uma guerra jurídica?
O Estado usou a "golden share" que detém na PT, vetando a proposta da Telefónica para a compra da Vivo, contra a vontade dos accionistas, que tinham votado em 74% favoravelmente à venda. A medida é inesperada, inédita e pode ser considerada ilegal. Começa uma guerra jurídica?

A decisão surpreende tudo e todos, incluindo a administração da PT, que minutos antes voltara a pedir para o Estado não intervir.

A favor votaram 73,91% do capital representado nesta AG. Contra a proposta da Telefónica votaram 26,09%.

A Telefónica está a fazer uma declarações contra o facto do presidente ds AG ter dado ao Estado a hipótese de usar a "golden share".

Recorde-se que Bruxelas já se pronunciou contra "golden share", esperando-se que ela seja declarada ilegal já a oito de Julho. O Estado nunca tinha usado formalmente a "golden share". Fá-lo uma semana antes dela ser provavelmente declarada ilegal.



Marketing Automation certified by E-GOI