Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Estado já injectou 600 milhões no BPN

O Estado concretizou a 15 de Fevereiro o aumento de capital do BPN, no valor de 600 milhões de euros. A data da operação permite que a despesa tenha sido feita ainda ao abrigo do Orçamento do Estado de 2011. Já a concretização da venda do banco aguarda luz verde de Bruxelas.

Maria João Gago mjgago@negocios.pt 17 de Fevereiro de 2012 às 12:42
  • Partilhar artigo
  • 15
  • ...
O Estado acaba de injectar 600 milhões de euros no BPN, no âmbito do aumento de capital da instituição previsto no Orçamento do Estado de 2011 e que faz parte das condições de venda do banco acordadas com o BIC.

Fonte oficial do Ministério das Finanças confirmou ao Negócios que “o Estado decidiu avançar com a recapitalização do banco no dia 15 de Fevereiro, pelo montante de 600 milhões, conforme previsto”. Esta era a data limite para a realização daquela despesa ao abrigo do OE de 2011. Caso contrário, a operação teria que ser incluída no Orçamento rectificativo de 2012 que deverá avançar nas próximas semanas.

Como referiu hoje o primeiro-ministro, no Parlamento, a venda do BPN ao BIC está apenas dependente da decisão da Direcção-Geral da Concorrência da União Europeia que, em Outubro, abriu uma investigação aprofundada à reestruturação do banco, por suspeita de violação das regras europeias sobre ajuda do Estado.

Apesar desta investigação, fonte oficial do Ministério das Finanças garantiu ao Negócios que “têm sido feitos progressos importantes para a conclusão do processo de venda”.

Ver comentários
Saber mais BPN Estado
Outras Notícias