Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fraude na WorldCom terá atingido os nove mil milhões

A WorldCom, segunda maior fornecedora de serviços telefónicos de longa-distância dos EUA, deverá anunciar hoje que a fraude contabilística que envolveu a empresa atingiu os 11 mil milhões de dólares (nove mil milhões de euros), segundo adianta o «Wall Str

Ruben Bicho rbicho@mediafin.pt 12 de Março de 2004 às 12:28
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A WorldCom, segunda maior fornecedora de serviços telefónicos de longa-distância dos EUA, deverá anunciar hoje que a fraude contabilística que envolveu a empresa atingiu os 11 mil milhões de dólares (nove mil milhões de euros), segundo adianta o «Wall Street Journal».

O diário norte-americano, que apresenta esta informação com base em fontes ligadas ao processo da WorldCom, diz que a empresa divulgará os números da fraude num comunicado à Securities and Exchange Commission (SEC), entidade que está a investigar toda a história da fraude da empresa.

O comunicado conterá os resultados de uma auditoria feita às contas da empresa de 2000, 2001 e 2002 e tornará clara a «extensão da maior fraude contabilística da história dos EUA», noticia hoje «Wall Street Journal».

No próximo mês, depois de sair do estatuto de protecção por falência, a WorldCom vai regressar ao seu nome anterior, MCI.

Outras Notícias