Energia Galp mantém política de dividendos e sobe remuneração em 20% até 2017

Galp mantém política de dividendos e sobe remuneração em 20% até 2017

A petrolífera vai distribuir aos seus accionistas 0,41 euros por acção, relativos aos resultados do ano passado, anunciou ao regulador do mercado.
Galp mantém política de dividendos e sobe remuneração em 20% até 2017
Bloomberg
Raquel Godinho 15 de março de 2016 às 09:21

A Galp Energia realiza, esta terça-feira 15 de Março, o seu Dia do Investidor e já anunciou que vai distribuir um dividendo de 0,41 euros referente aos resultados do exercício de 2015. Uma remuneração que representa um crescimento de 20% face ao dividendo distribuído no ano anterior, refere a empresa em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).


Além disso, a empresa esclarece que a política de crescimento anual de 20% do dividendo termina em 2017. Isto porque, no próximo ano, a Galp (liderada por Carlos Gomes da Silva, na foto) pretende distribuir um dividendo de 0,50 euros por acção aos seus accionistas, relativo ao exercício de 2016, mas o "plano de negócios assume [um dividendo de 0,50 euros por acção] estável de 2017 em diante".

A Galp terminou o exercício de 2015 com lucros ajustados de 639 milhões de euros, mais 71,5% que no ano anterior.

Os títulos da Galp recuavam 0,6% para os 10,69 euros às 9:19. Ao início da manhã as acções da energética já estiveram a cair mais de 1%.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI