Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Gartimore Investment Group ultrapassa os 2% no capital da Brisa

A Gartimore Investment Group detém uma posição de 2,13% no capital da Brisa ou 12,8 milhões de acções. A empresa diz que os títulos adquiridos têm «apenas» fins de investimento dos clientes e dos fundos em causa. A gestora passa assim a ser a sexta maior

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 31 de Março de 2005 às 12:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Gartmore Investment Group informou a Brisa que passou a deter 2,13% do seu capital ou 12,8 milhões de acções e que os títulos adquiridos têm «apenas» fins de investimento dos clientes e dos fundos em causa. A gestora passa assim a ser a sexta maior accionista da concessionária de auto-estradas.

Em comunicado à CMVM, a concessionária revela que a Gartmore lhe comunicou que detém uma «participação qualificada da Brisa Auto-Estardas de Portugal, em resultado de uma operação realizada em mercado no dia 23 de Março de 2005 e que envolveu a aquisição de 1.054.517 acções», detendo neste momento 12.798.315 acções que representam 2,13% do capital social.

O número total de acções referido agrega participações controladas pela Gartmore Investment Limited (GIL), pela Gartmore Fund Managers Limited (GFM) e pela Gartmore Global Partners (GGP) (subsidiárias do Gartmore Group detido pela Nationwide Mutual Insurance Company), «na qualidade de gestoras discricionárias dos clientes e dos fundos identificados, detendo, nessa mediada, o direito do exercício de voto inerente às acções em causa, bem como os poderes para as alienar», explica o comunicado.

A mesma fonte sublinha que as acções «são detidas com fins apenas de investimento dos clientes e dos fundos em causa» e que tendo em conta o número actual de acções próprias detidas pela Brisa, a participação agora declarada «corresponde a 2,14% dos direitos de voto».

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias