Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Gastos dos administradores da Estradas de Portugal diminuem em 2009

As ajudas de custo pagas pela Estradas de Portugal aos seus administradores diminuíram em 2009, com os gastos em combustíveis e comunicações a serem reduzidos.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 14 de Julho de 2010 às 15:25
  • Partilhar artigo
  • 4
  • ...
De acordo com a informação disponível no Relatório e Contas da Estradas de Portugal, publicado hoje, as remunerações dos administradores foram mantidas em 2009, quando comparadas com o ano anterior.

Assim, o presidente da empresa, Almerindo Marques, auferiu 193,9 mil euros ao longo do ano passado, tendo ainda recebido cerca de três mil euros através do pagamento de combustível, menos do que os 4,5 mil euros pagos em 2008.

Este cenário é idêntico para o vice-presidente, Eduardo Gomes, que auferiu 161 mil euros (idêntico à remuneração de 2008), e teve uma redução de despesas com combustível de 6,3 mil euros (em 2008) para 4,6 mil euros no ano passado.

No caso deste administrador, há ainda despesas com comunicações, que diminuíram de 1,2 mil euros para 1,1 mil euros.
Ver comentários
Outras Notícias