Automóvel General Motors investe 2,8 mil milhões de euros na Coreia do Sul

General Motors investe 2,8 mil milhões de euros na Coreia do Sul

A General Motors pretende investir 2,8 mil milhões de dólares numa unidade na Coreia do Sul para tentar manter aberta a fábrica.
General Motors investe 2,8 mil milhões de euros na Coreia do Sul
Bruno Simão/Negócios
Negócios 21 de fevereiro de 2018 às 11:16

A General Motors (GM), uma multinacional de produção automóvel com base nos EUA, oferece um investimento de 2,8 mil milhões de dólares nos próximos 10 anos para salvar a sua unidade em dificuldade na Coreia do Sul.

A medida faz parte de um plano de restruturação da companhia, um investimento necessário para a produção de novos modelos de automóvel, para pesquisa e desenvolvimento, assim como para renovar estruturas dos negócios da empresa.

 

O ministro do Comércio da Coreia do Sul, Paik Un-gyu, disse esta quarta-feira que o governo pediu uma auditoria na administração da General Motors no país depois da companhia decidir fechar uma fábrica numa cidade a sudoeste de Seul, na Coreia do Sul.  Isto porque, "existe uma taxa de lucros elevada em relação aos custos das matérias-primas, os pagamentos de juros sobre os empréstimos e o apoio financeiro injusto feito à sede da GM", disse Paik, o ministro do comércio da Coreia do Sul.  

Segundo outra fonte do governo Sul-coreano, a proposta da General Motors era necessária para determinar se o plano de investimento era suficiente para resgatar a unidade, que emprega directamente cerca de 16 mil trabalhadores.

 




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentários mais recentes
General Ciresp 21.02.2018

O golpe ate pode ser de mestre,com a possibilidade da abolirem fronteiras entre ambos pode tornar o mercado mais atraente.A historia diz-nos q muitas vezes somos surpreendidos:quantos estaria a espera de ler a noticia sobre o Basilio horta?Surpresa agradavel diga-se e se foi ganha do seu suor a melh

pub