Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Gestor do BPN demite-se em divergência com Governo

Um dos administradores do BPN, José Lourenço Soares, apresentou a sua demissão no final de Novembro. Segundo o "Diário Económico", a renúncia foi motivada por divergências com o Governo, relativamente ao processo de privatização.

Negócios negocios@negocios.pt 05 de Dezembro de 2011 às 08:34
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
Após um pouco mais de três anos de funções, o director da Caixa Geral de Depósitos que era administrador do BPN, José Lourenço Soares, renunciou ao cargo. O pedido de renúncia foi entregue no final do mês passado.

A demissão do gestor terá sido motivada por divergências com o Governo relativamente ao processo de privatização do banco, refere o jornal. Que, nas últimas semanas, terão levado mesmo o Governo a assumir sozinho as negociações de venda da instituição, que antes tinham contado com a colaboração da administração, avança o “DE”.

Recorde-se que, nos últimos meses, as negociações com o angolano BIC, seleccionado no final de Julho como comprador do BPN, sofreram altos e baixos. Nalguns momentos, o processo terá chegado a estar em risco, designadamente devido às exigências financeiras feitas pelo banco comprador.

Na semana passada, BIC e Governo chegaram a uma plataforma de entendimento quanto à privatização do BPN. O acordo quadro de venda deve ser aprovado esta semana, segundo adiantou o Ministério das Finanças aos sindicados bancários, numa reunião que teve lugar na semana passada.
Ver comentários
Saber mais BPN privatização
Outras Notícias