Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Glintt vende três subsidiárias por sete milhões de euros

A empresa tecnológica portuguesa Glintt anunciou a alienação de três das suas subsidiárias pela quantia de sete milhões de euros. A venda foi comunicada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) e deverá ser concretizada em 60 dias.

André Vinagre andrevinagre@negocios.pt 23 de Setembro de 2015 às 10:21
  • Assine já 1€/1 mês
  • 12
  • ...

A Glintt - Global Intelligent Technologies, comunicou esta quarta-feira, 23 de Setembro, à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) a venda de três das suas subsidiárias, a GlinttBusiness Process Outsourcing, a Netpeople e a GlinttTechnology Enabled Services.

A Glintt diz no comunicado enviado à CMVM que "esta operação enquadra-se no plano de reestruturação da organização corporativa e das áreas de negócio".

 

"[Esta operação] prevê a identificação de possíveis interessados na aquisição das Áreas de Negócio não-core ou outro tipo de operação tendente à saída dessas áreas da exclusiva esfera de interesse económico da Glintt, dando assim seguimento à estratégia que tem vindo a ser implementada", conclui o comunicado da Glintt.

A tecnológica anuncia assim a venda das três unidades, relaçando que "esta operação enquadra-se no plano de reestruturação da organização corporativa e das áreas de negócio, anunciado ao mercado em 3 de fevereiro de 2015."

Recorde-se que a Glintt está a ser alvo de uma OPA. A Farminvest lançou a 15 de Setembro uma oferta pública de aquisição (OPA) sobre a empresa tecnológica portuguesa. A oferente, dominada pela Farminveste – Investimentos, Participações e Gestão, pela Farminveste SGPS e pela Associação Nacional de Farmácias, que detém 49,73% do capital, poderá ter de desembolsar cerca de 10,5 milhões de euros para ficar com a totalidade da empresa.

Ver comentários
Saber mais Glintt CMVM OPA Farminvest tecnologia
Outras Notícias