Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

GM Portugal fecha fábrica da Azambuja em Dezembro (act.)

A fábrica da General Motors Portugal na Azambuja vai encerrar em Dezembro, revelou o vice-presidente da área industrial da GM Europa, Eric Stevens num anúncio feito aos jornalistas. O fecho da fábrica vai gerar o despedimento de cerca de 1.100 trabalhador

Tânia Ferreira tf@negocios.pt 11 de Julho de 2006 às 13:58
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A fábrica da General Motors na Azambuja vai encerrar em Dezembro, revelou o vice-presidente da área industrial da GM Europa, Eric Stevens num anúncio feito aos jornalistas. O fecho da fábrica vai gerar o despedimento de cerca de 1.100 trabalhadores.

A GM Europa decidiu transferir a produção do Combo da Azambuja para a fábrica espanhola de Saragoça (Espanha). «A transferência da produção vai começar em Dezembro deste ano, altura em que a fábrica da Azambuja vai fechar as portas», anunciou o Eric Stevens aos jornalistas.

Se a produção se mantivesse na Azambuja a empresa teria perdas operacionais de 35 milhões por ano

O gestor garantiu que na base desta decisão estiveram custos de logística e sinergias com outros veículos produzidos em plataformas comuns de maior dimensão. Segundo as contas da GM Europa, se a produção do Combo se mantivesse na fábrica da Azambuja, a companhia teria uma perda operacional próxima dos 35 milhões de euros por ano.

«Não podemos continuar a perder tanto dinheiro como nos últimos anos, queremos sobreviver», sublinhou o mesmo responsável.

Eric Stevens assegurou que o funcionamento operacional e a competitividade da fábrica da Azambuja não estiveram em causa.

O Governo tinha avançado que a GM Europa teria de pagar uma indemnização próxima dos 30 milhões de euros no caso de decidir fechar a fábrica da Azambuja. No entanto, para a GM a companhia terá de devolver bem menos do que isto, disse Steven escusando-se a recusar o valor com o argumento de que as negociações com o Estado ainda estão a decorrer.

Os fornecedores portugueses do Combo vão continuar a trabalhar com a GM Europa na fábrica de Saragoça, revelou ainda o mesmo responsável.

Outras Notícias