Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Google tem até dia 31 de Agosto para responder a acusações de abuso de posição dominante

A Google Inc. tem até agora até ao fim de Agosto para responder às acusações da União Europeia de abuso de posição dominante em vários países europeus. A data anterior para a empresa responder era 17 de Agosto.

Negócios 13 de Agosto de 2015 às 17:12
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A Google tem até dia 31 de Agosto para argumentar que não violou as leis comunitárias, segundo revelou um porta-voz da empresa, citado pela Reuters esta quinta-feira, dia 13 de Agosto, 

Bruxelas acusou a Google de abuso de posição dominante. A Comissão Europeia considera que a empresa abusou da sua posição privilegiada nos serviços de busca na internet, com uma quota de mercado de 90%. Segundo o parecer de Bruxelas, a Google dá prioridade aos seus serviços de comparação de preços nas páginas de resultados de pesquisa geral.

 

Se considerada culpada, a tecnológica norte-americana pode vir a ser multada em 10% das suas receitas anuais.

 

A abertura da investigação foi divulgada a 15 de Abril, pela Comissão Europeia. "No caso da Google, preocupa-me o facto de a empresa ter concedido uma vantagem injusta ao seu próprio serviço comparador de preços, violando assim as regras da UE em matéria anti-concorrencial", dizia na altura em comunicado a comissária europeia para a concorrência Margrethe Vestager.

Ver comentários
Saber mais Google União Europeia multa
Outras Notícias