Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Grupo Imocom prevê facturar 120 milhões em 2006

O Grupo Imocom prevê facturar 120 milhões de euros em 2006, representando um crescimento de 18% face ao homólogo, avançou Alejandro Martins, presidente do grupo, em conferencia de imprensa, acrescentando que o imobiliário é ainda o que mais pesa.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 12 de Setembro de 2006 às 13:08
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Grupo Imocom prevê facturar 120 milhões de euros em 2006, representando um crescimento de 18% face ao homólogo, avançou Alejandro Martins, presidente do grupo, em conferencia de imprensa, acrescentando que o imobiliário é ainda o que mais pesa.

"Com a forte componente imobiliária, a facturação ainda é pouco estável, penso que com a aposta no turismo isso será diferente", explicou o responsável.

Em 2010, quando o grupo estima ter 5.000 camas em exploração turística, o volume de receitas do grupo deverá atingir os 200 milhões de euros, sendo que 30% será proveniente do turismo.

Actualmente, o grupo tem em curso investimentos que rondam os 280 milhões de euros, em seis projectos, que se traduzirão em mais de três mil camas turísticas. Além do turismo, o grupo actua no ramo do imobiliário, construção e industria.

Pedro Viriato, administrador para a área do turismo, adiantou que estão em análise mais duas mil camas noutros projectos espalhados pelo Brasil e pelos Países Africanos de língua Oficial Portuguesa.

Em entrevista ao Jornal de Negócios, publicada na edição de hoje, Alejandro Martins revelava que para realizar todos os projectos turísticos até 2010, o Grupo Imocom irá investir cerca de 500 milhões de euros.

É pela mão da Imocom que a cadeia norte-americana Hilton vai abrir o primeiro hotel em Portugal. O Hilton, As Cascatas, será inaugurado em 2007, no Algarve, sendo o seu primeiro resort em Portugal, já tendo em plano mais um, sob a marca Conrad, também da responsabilidade da Imocom.

Mais lidas
Outras Notícias