Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Holmes Place absorve subida do IVA e aumentos ficam-se pelos 3%

A cadeia de ginásios avança com uma actualização dos preços da ordem dos 3% que, diz a directora-geral, deverá corresponder à inflação prevista para o próximo ano.

Filomena Lança filomenalanca@negocios.pt 23 de Dezembro de 2010 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...
A Holmes Place Portugal não vai fazer reflectir nas mensalidades dos seus clientes o aumento do IVA aplicado às actividades desportivas que, a 1 de Janeiro de 2011, passa de 6% para 23%, na sequência do Orçamento do Estado para o próximo ano.

“A única actualização que faremos será a correspondente à taxa de inflação”, disse ao Negócios Sofia Sousa, directora-geral da instituição. A responsável aponta para uma percentagem na ordem dos 3%, porém, para já, as previsões do Banco de Portugal são de uma taxa de inflação de 1,4% para este ano e de 1,8% para 2011.

A medida de aumento do IVA, prevista no Orçamento, tem sido muito contestada pelos ginásios, que temem uma perda de clientes substancial e têm vindo a anunciar que serão obrigados a despedir pessoas para aguentar o aumento de 17 pontos percentuais na taxa do imposto. É “um aumento muito significativo”, que “terá certamente grande influência neste sector de actividade económica”, sublinha Sofia Sousa.

A decisão de não fazer reflectir nos preços o aumento do IVA “foi muito pensada e estruturada” e optámos “por fazer um investimento grande nos sócios”, explica a responsável. Para já, poderão ficar para trás alguns investimentos nos serviços e na expansão da rede de ginásios, acrescenta.

A directora geral admite que, se a Holmes Place não optasse por incorporar o aumento, as consequências para a empresa seriam muito piores. Desta forma, sublinha, “vamos tentar manter os nossos dois mil colaboradores sem diminuir salários nem despedir ninguém”.

Volume de negócios sem quebras

A Holmes Place espera fechar o ano com um volume de negócios de 60 milhões de euros, em linha com os resultados obtidos em 2009. 2011 “será um ano de consolidação, face à situação económica que o país atravessa”, refere Sofia Sousa.

A partir de Janeiro, a cadeia de ginásios irá proceder a uma reestruturação das suas modalidades e serviços, inerentes aos seus modelos de adesão, com “opções de adesão mais estruturadas, que irão contribuir para uma maior eficácia da sua operação” e “soluções mais adequadas para os seus clientes”, acrescenta ainda Sofia Sousa.

Ver comentários
Saber mais Holmes Place ginásio
Mais lidas
Outras Notícias