Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Honório aceitou ser vice-presidente do BES e do Novo Banco por "espírito de missão"

Tanto no caso do BES como do Novo Banco, José Honório foi convencido pela "missão patriótica" de liderar um banco que estava a enfrentar dificuldades e que podia prejudicar a economia.

Miguel Baltazar/Negócios
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

José Honório foi convidado para pertencer ao conselho de administração do Banco Espírito Santo em Julho de 2014. Foi convencido porque se tratava de "uma missão patriótica de superior interesse nacional". O antigo presidente da Portucel, de onde havia saído em Janeiro desse ano, recebeu garantias do Banco de Portugal de que o banco estava "sustentável", "sobretudo depois do sucesso do aumento de capital de Maio e Junho.

 

O convite partiu de Vítor Bento, secundado por Carlos Costa, governador do Banco de Portugal. "Aceitei, imbuído de espírito de missão", contou aos deputados na comissão parlamentar de inquérito à gestão do BES e do GES.

 

Um espírito de missão que tinha uma "condição": "início de funções apenas ocorresse após a aprovação das respectivas contas, por entender que não fazia sentido envolver-me na preparação" de contas para as quais não tinha contribuído. Esta foi uma condição que impôs juntamente com Vítor Bento e Moreira Rato, que pertenciam ao conselho de administração que sucedeu à equipa de Ricardo Salgado.

 

A 1 de Agosto, José Honório soube que o banco ia ser intervencionado e alvo de uma medida de resolução. Mais uma vez, Carlos Costa pediu para ser administrador do Novo Banco. "Houve um renovado apelo feito pelo governador ao nosso espírito de missão". O responsável do Banco de Portugal também falou nas "consequências negativas para o banco e para o sistema se não pudesse abrir com uma administração credível".

 

Honório ficou no cargo por mais de um mês. Contudo, seguindo Vítor Bento e Moreira Rato, renunciou à administração do Novo Banco por não concordar com o modelo de venda rápida para o banco, já que não tinha sido esse o desafio que lhe foi proposto no arranque de Agosto, disse aos deputados. 

Ver comentários
Saber mais José Honório Banco Espírito Santo Portucel Banco de Portugal Vítor Bento Carlos Costa BES Novo Banco
Outras Notícias