Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Hospitais poupam 400 milhões em compras

E se os hospitais se juntassem todos para ir às compras? Este foi o convite que o Serviço de Utilização Comum dos Hospitais (SUCH) fez a nove unidades de Lisboa. Todas aceitaram e, depois de quase um ano de preparação, nasce hoje formalmente o ACE - Agrup

Negócios negocios@negocios.pt 16 de Abril de 2007 às 08:12
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

E se os hospitais se juntassem todos para ir às compras? Este foi o convite que o Serviço de Utilização Comum dos Hospitais (SUCH) fez a nove unidades de Lisboa. Todas aceitaram e, depois de quase um ano de preparação, nasce hoje formalmente o ACE - Agrupamento Complementar de Empresas.

É a primeira entidade empresarial, sem fins lucrativos, na área da saúde dedicada às compras e logística e tem um grande objectivo: fazer com que os hospitais públicos poupem dinheiro numa área que representa 40 a 45% dos seus orçamentos, noticia hoje o "Diário de Notícias".

E as expectativas estão longe de ser modestas. Só nestes nove que servirão de experiência-piloto, a poupança com a central de compras deverá superar os 400 milhões de euros ao fim de 5 anos.

"É uma grande responsabilidade, sabemos que todos os olhos vão estar postos em nós. Tem que correr bem", afirma Paula Nanita, a presidente do conselho de administração do SUCH, uma organização do Ministério da Saúde que há 41 anos presta serviços aos seus associados na área da saúde - da lavandaria à alimentação, passando pelo tratamento de resíduos.

Mas só agora vai avançar para as compras. E logo com um conjunto de hospitais que representa quase um quinto (17%) de todo o Serviço Nacional de Saúde - Santa Santa Maria, Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental (S. Francisco Xavier, Egas Moniz e Santa Cruz) e Centro Hospitalar de Lisboa Central (S. José, Estefânia, Capuchos, Santa Marta e Desterro).

Ver comentários
Outras Notícias