Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

IBM funde consultoria com PWC em Portugal e cria unidade de inovação de negócios (act)

A IBM Portugal irá criar uma «nova unidade, designada Business Inovation» na sequência do acordo da empresa de «software» para a aquisição da unidade de consultoria da PricewaterhouseCoopers, disse ao Negocios.pt António Raposo de Lima.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 31 de Julho de 2002 às 18:36
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

(actualiza com declarações do responsável pela divisão de serviços globais da IBM Portugal)

A IBM Portugal irá criar uma «nova unidade, designada Business Inovation» na sequência do acordo da empresa de «software» para a aquisição da unidade de consultoria da PricewaterhouseCoopers, disse ao Negocios.pt António Raposo de Lima, responsável pela divisão de serviços globais da empresa.

No âmbito do acordo de aquisição anunciado ontem à noite entre a International Business Machines (IBM) e a PWC, as filiais nacionais das empresas irão criar «uma nova unidade de negócio, a Business Inovation», segundo a mesma fonte.

A unidade de «Business Inovation» será o resultado da «combinação dos profissionais das duas empresas», reforçou.

A IBM Portugal referiu ainda que estes procedimentos irão ser realizados em todas as filiais da empresa de «software» norte-americana.

António Raposo Lima disse que a visão da IBM Portugal é que «os clientes pedem cada vez mais soluções end-to-end» e que a filial nacional, tem «procurado desenvolver soluções com valor nesta área».

Esta aquisição «vem reforçar e acelerar a estratégia de negócio» da empresa, avançou o responsável.

Quanto à redução do número de trabalhadores da unidade de consultoria da PWC Portugal, a mesma fonte referiu que «não estão previstos despedimentos», nem «está previsto» aumento do número de trabalhadores da IBM Portugal.

O responsável disse que «passamos a ter uma proposta única no mercado, desde a consultoria até à implementação».

Relativamente ao aumento das receitas devido a esta aquisição, António Raposo Lima disse que «já em 2002, acho que vai ter repercussões», uma vez que este negócio «é uma aposta muita séria e iremos aparecer no mercado de uma forma mais robusta e iremos endereçar novos negócios».

A IBM anunciou ontem que chegou a acordo para a compra da unidade de consultoria da PWC por 3,5 mil milhões de dólares (3,57 mil milhões de euros) em acções e dinheiro.

«O cliente é a força motora por trás do anúncio de hoje» disse em comunicado Samuel J. Palmisano (na foto à direita), presidente da IBM.

Samuel DiPiazza, Jr. (na foto à esquerda), presidente executivo da PWC, afirma no mesmo documento que «esta transacção responde em pleno ao nosso compromisso em separar totalmente a PWC Consulting da PWC».

A transacção está sujeita a aprovações regulamentares e aprovação das filiais da PWC, a ser feita por votação dos seus sócios, ou «partners».

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias