Imobiliário Investidor inglês quer construir “resort comercial” em Carnaxide

Investidor inglês quer construir “resort comercial” em Carnaxide

O projeto está em consulta pública até esta quarta-feira, um procedimento obrigatório porque se localizará numa zona por onde passa o Aqueduto das Francesas. A ideia é que inclua zona para desporto, um parque público, espaço para concertos e restaurantes.
Negócios 11 de setembro de 2019 às 10:21

Uma empresa imobiliária inglesa quer avançar em Carnaxide com um projeto imobiliário com um conceito que, além de um centro comercial, incluirá outros serviços, como ginásio, academias de futebol, ténis e padel, restaurantes, um parque público com um lago, espaços para concertos, entre outros. Batizado de Aquaterra, o projeto está ainda em fase de estudo prévio, noticia o Público na sua edição desta quarta-feira.

 

Segundo o jornal, a ideia é que o projeto seja implementado numa zona com cerca de cinco hectares em Carnaxide, concelho de Oeiras, na mesma área onde há já vários complexos comerciais e empresariais.

 

No local passa um dos troços do Aqueduto das Águas Livres, o Aqueduto das Francesas, pelo que o projeto teve de ser submetido a consulta pública. Esta termina hoje e, de acordo com o site participa.pt, onde o projeto pode ser consultado, houve até ao momento 13 comentários.

 

O Público falou com o representante da empresa inglesa que detém o terreno, a Jackyl, e segundo  este a ideia é ir muito além de um simples centro comercial, ainda que a componente de retalho seja a mais importante em termos de financiamento.

 

O projeto prevê um centro comercial com sete pisos, vários lagos para barcos e desportos aquáticos, uma zona de restaurantes com restauração de autor e esplanadas com área de espetáculos. Estão contemplados quatro campos de futebol de diversas dimensões, 11 campos de ténis e seis de padel.




Marketing Automation certified by E-GOI