Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Investors Bancorp paga menos de meio milhão por activos do BCP nos EUA

O Investors Bancorp, casa-mãe do Investors Savings Bank, vai pagar 632.500 dólares (468.960 euros) pelos depósitos e pelos 17 balcões do Millennium bcp nos Estados Unidos. O objectivo é expandir-se em Nova Jérsea, Nova Iorque e talvez Massachusetts, diz o "NorthJersey.com".

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 01 de Abril de 2010 às 15:41
  • Assine já 1€/1 mês
  • 21
  • ...
O Investors Bancorp, casa-mãe do Investors Savings Bank, vai pagar 632.500 dólares (468.960 euros) pelos depósitos e pelos 17 balcões do Millennium bcp nos EUA. O objectivo é expandir-se em Nova Jérsea, Nova Iorque e talvez Massachusetts, diz o "NorthJersey.com".

“É um bom negócio”, afirmou Dominick Cama, responsável operacional pela empresa que vai adquirir os activos do BCP e que possui 8 mil milhões em activos e 65 agências em 10 condados de Nova Jérsea.

Esta compra, que se espera estar concluída no final de Setembro, “mantém-nos no caminho do crescimento, através de acordos de oportunidade”, referiu o mesmo responsável, citado pelo “NorthJersey.com”.

Recorde-se que o BCP detém cerca de 575 milhões de dólares (426,3 milhões de euros) em depósitos nas suas agências norte-americanas.

Na quarta-feira, o banco presidido por Carlos Santos Ferreira anunciou que iria sair dos Estados Unidos. Ontem, os analistas do BPI e do BES comentaram que não se prevê um impacto material nos rácios de capital do banco com a saída do mercado norte-americano e que, por outro lado, isso deverá permitir que o grupo se refocalize nas suas principais unidades de negócio.

“Recordamos que, também este ano, o BCP abriu mão das suas operações na Turquia, mais um mercado ‘não-core’ para o grupo que era também um factor de pressão negativo na carteira do BCP”, referia a nota de “research” do BPI.

“Consideramos que este anúncio era largamente esperado pelo mercado, uma vez que a administração do BCP tinha já declarado em diversas ocasiões que planeava sair dos Estados Unidos, que são um mercado não-essencial para o grupo”, salientava a análise do Espírito Santo Equity Research, acrescentando que esta decisão não terá qualquer impacto material nos rácios de capital do grupo.

O BCP segue a ganhar 0,97% para 0,832 euros.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias