Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Jerónimo Martins na Colômbia é "um dos investimentos mais importantes" nos últimos anos

O ministro da Economia e Emprego, Álvaro Santos Pereira, afirmou hoje que o arranque das lojas da Jerónimo Martins na Colômbia é "um dos investimentos mais importantes que tem sido feito fora do país nos últimos anos".

Lusa 13 de Março de 2013 às 18:59
  • Assine já 1€/1 mês
  • 20
  • ...

O ministro falava à agência Lusa à margem da inauguração do centro de distribuição da Jerónimo Martins na Colômbia, no dia em que o grupo inaugura três lojas da marca Ara.

 

"Este é um dos investimentos mais importantes que tem sido feito fora do país nos últimos anos", afirmou o governante, acrescentando que nos próximos anos o objectivo do grupo é aumentar e continuar a sua expansão.

 

"Estamos de falar na criação nos próximos três anos de mais de 1.800 postos de trabalho e investimentos superiores a 400 milhões de euros. São investimentos importantes para a nossa economia", sublinhou o governante.

 

Álvaro Santos Pereira apontou a Jerónimo Martins como "um grupo de excelência português que continua a internacionalizar e apostar em novos mercados na América Latina com potencial, mais particular a Colômbia".

 

O ministro defendeu a internacionalização das empresas portuguesas como estratégia "fundamental" para aumentar as exportações, criar emprego em Portugal e riqueza para o país.

Quando grupos como a Jerónimo Martins, que disse ter uma "estratégia de expansão agressiva e muito bem planeada" para a Colômbia, avançam para outros mercados, têm "um impacto de arrastamento para outras empresas que é muito importante" para o país.

 

A Jerónimo Martins está a "trazer mais empresas ligadas à tecnologia do frio, da construção, ligadas às energias e electricidade" para a Colômbia.

 

"Estamos a falar de muito 'know-how' português, muitas exportações portuguesas, muita criação de emprego", não só na Colômbia como em Portugal.

 

A internacionalização e a exportação são o "futuro da economia portuguesa", concluiu o governante.

Ver comentários
Saber mais Jerónimo Martins Colômbia
Mais lidas
Outras Notícias