Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Jogos Olímpicos: Portugueses falham medalhas ao 11.º dia

Mesmo sendo o melhor europeu em competição, Nelson Évora deixou voar o ouro para as mãos do norte-americano Christian Taylor. Na canoagem, Fernando Pimenta não aguentou o ritmo terminando a prova na quinta posição.

Comité Olímpico de Portugal
Negócios com Lusa 16 de Agosto de 2016 às 22:33
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Para o 11.º dia de competições dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, as expectativas eram grandes. De um lado, estava Nelson Évora, campeão olímpico de 2008, que tinha boas hipóteses de chegar ao pódio no triplo salto; do outro, o canoísta Fernando Pimenta que, depois de óptimos resultados nas meias-finais, parecia próximo de chegar entre os três primeiros na prova de K1 1000 metros.

Mas as medalhas não chegaram. Nelson Évora ficou em sexto lugar, com um salto de 17,03 metros. Mesmo sendo o melhor europeu em competição e registando a sua melhor marca do ano, Évora ficou a 55 cm do bronze e a 83 cm do ouro, que voou para as mãos do norte-americano Christian Taylor, refere a Lusa. O atleta disse que o sexto lugar já era uma medalha, depois do ano que passou.

Na canoagem, Fernando Pimenta começou com muita energia, mas não aguentou o ritmo terminando a prova na quinta posição. Depois de liderar durante os primeiros 500 metros da corrida, o português já era quarto aos 750 metros, terminando a prova em quinto lugar, a 3,902 segundos do espanhol Marcus Walz, que depois de um "sprint" final impressionante, conquistou o ouro em 3.31,447 minutos.

No final, o canoísta de Ponte de Lima não escondia a sua decepção, atribuindo o infortúnio às folhas das árvores que caíram na sua pista. Pimenta ainda vai integrar o K4 1.000 metros que também é candidato a arrebatar uma medalha.

Quem teve esta terça-feira um dia feliz foi a cavaleira portuguesa Luciana Diniz que conseguiu apurar-se para a terceira ronda de qualificação na prova de salto de obstáculos que, segundo a Lusa, se realiza hoje a partir das 14h em Lisboa. Montando Fir For Fun, a cavaleira fez um percurso limpo na segunda qualificação. "Foi perfeito", afirmou a cavaleira portuguesa, visivelmente satisfeita.

Telma Monteiro, bronze na categoria de -57 kg do judo, continua a ter a única medalha de Portugal no Rio2016, enquanto os diplomas passaram para seis, com Pimenta e Évora a juntarem-se a Marcos Freitas e à equipa de futebol (quintos), a Patrícia Mamona (sexta) e a Nelson Oliveira (sétimo).

Num dia de sonhos não concretizados, também os velejadores Jorge Lima e José Costa falharam a 'Medal Race' da prova de 49er, ao marcarem hoje um oitavo lugar, um 19.º e um 12.º, que os atiraram para o 15.º lugar da geral.

No atletismo, o dia também não correu de feição às saltadoras à vara, com Marta Onofre, recordista nacional, com 4,51 metros, a ficar-se pelos 4,30 e Maria Leonor Tavares, que tem 4,50 como melhor marca pessoal, a passar apenas a fasquia a 4,15, ficando ambas fora da final.

Por seu lado, e antes da final de Pimenta, a jovem canoísta Francisca Laia, de 22 anos, concluiu na oitava e última posição a final B de K1 200 metros, ficando-se pelo 16.º lugar da geral.
Ver comentários
Saber mais Nelson Évora Luciana Diniz Fernando Pimenta Telma Monteiro Marcos Freitas Patrícia Mamona Nelson Oliveira Jorge Lima Marta Onofre Maria Leonor Tavares Francisca Laia desporto eventos desportivos
Mais lidas
Outras Notícias