Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lloyds corta três mil postos de trabalho depois de quebra nos lucros em 2001

O Lloyds TSB, quinto maior banco britânico, anunciou hoje que vai cortar três mil postos de trabalho este ano depois dos lucros em 2001 terem caído mais que o estimado pelos analistas.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 15 de Fevereiro de 2002 às 09:39
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O Lloyds TSB, quinto maior banco britânico, anunciou hoje que vai cortar três mil postos de trabalho este ano depois dos lucros em 2001 terem caído mais que o estimado pelos analistas.

Os resultados líquidos do Lloyds totalizaram 2,5 mil milhões de libras (4,10 mil milhões de euros), menos que as 2,67 mil milhões de libras (4,38 mil milhões de euros) aguardadas pelos analistas e as 2,71 mil milhões de libras (4,44 mil milhões de euros) registadas em 2000.

O corte de postos de trabalho insere-se num plano de redução de custos para fazer face à quebra do valor dos investimentos, relacionados com a queda dos mercados accionistas e com o crescimento do crédito mal parado, devido ao abrandamento económico.

As receitas do Lloys em 2001 cresceram 3,5% para 8,83 mil milhões de libras (13,60 mil milhões de euros) e que as provisões cresceram 38% até às 747 milhões de libras (1,224 mil milhões de euros).

As acções do Lloyds seguiam a descer 1,94% para as 7,60 libras (12,45 euros).

Outras Notícias